terça-feira, 14 de setembro de 2010

Estrelas



É que a noite andava muito escura, e Deus resolveu pegar cada primeiro riso de cada pessoa na terra e costurar delicadamente no manto do céu. Aí a gente fica aqui, olhando pra elas e sentindo essa dor no peito.

Essa vontade de tocar cada uma e descobrir do que é feita a felicidade.

3 comentários:

Beatriz Amorim disse...

Que lindo Ana!
Lindoe delicado! (:
Adorei! Beeijos

Eu, ΞĐU disse...

Oi, Ana Luiza...
Muuito bom o seu blog, suas idéias e seu bom gosto. Parabéns pelo trabalho.
Estou te seguindo.
Beijos no coração,
EDU (http://edurjedu.blogspot.com)

Beatriz Amorim disse...

Ana! Tem selinho no meu blog para você!
bjs